EDUCAÇÃO FÍSICA

O que aprender na academia de ginástica?

Hoje em dia, todos sabemos da importância dos exercícios físicos para cuidar da saúde. As academias de ginástica se popularizaram e atualmente estão presentes em todos os cantos do Brasil, também impulsionadas pelo culto ao corpo e pela valorização da estética.

Pensando na academia como um espaço de atuação profissional, a tutora do curso de bacharelado em Educação Física do polo Uninter de São Miguel do Oeste (SC), Gisele Alecsandra Bernardes, promoveu uma atividade para os alunos sobre os treinos realizados nas academias.

Seu propósito foi aprimorar o conhecimento teórico e metodológico que fundamenta as práticas realizadas em academias, além de desenvolver estratégias organizacionais. No dia da atividade prática, os alunos tiveram que montar um plano de treino para seus colegas com exercícios diversos, incluindo crossfit, musculação, treino funcional, ginástica, entre outros.

A atividade aconteceu no dia 03 de dezembro, na “Performance Academia”. Os estudantes se reuniram em grupos e analisaram os dados obtidos com as práticas, avaliando o condicionamento físico e o perfil do aluno escolhido como praticante voluntário. Os dados em questão foram debatidos e a turma pôde entender as etapas necessárias para a elaboração e execução do programa.

Com os treinos elaborados, as salas de musculação da academia foram usadas para aplicar a sequência desenvolvida. Antes, porém, houve uma apresentação dos planos, tirando dúvidas que os alunos tiveram ao longo do processo, além de outras que foram surgindo no momento. Essa foi uma oportunidade única para os alunos expandirem seu repertório. “Após a apresentação de todos os grupos, avaliamos a atividade, tendo uma resposta muito positiva dos acadêmicos. Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para a sua produção ou a sua construção”, conclui a tutora Gisele, citando Paulo Freire.

Embed HTML not available.
Autor: Igor Ceccatto – Estagiário de Jornalismo
Edição: Mauri König / Revisão Textual: Jeferson Ferro
Créditos do Fotógrafo: Arquivo polo São Miguel do Oeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *