Nova edição da Revista Ius Gentium conta com publicações internacionais


Pesquisadores de diversos países participam do processo de internacionalização da Revista Ius Gentium. Nesta edição o periódico conta com produções científicas de autores provenientes da Grécia, Colômbia, Portugal e Áustria, além de textos de autoria de renomados escritores de diversos estados brasileiros.

“Cada pesquisador contribui a seu modo e seu estilo, mas o objetivo central é o mesmo, discutir assuntos pertinentes ao Estado, Poder e a Jurisdição”, destaca Alexandre Pagliarini, editor chefe da revista.

O corpo editorial foi a principal mudança apresentada no periódico. Carlos Velloso, ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal e Otto Pfersmann, da Universidade de Paris (Sorbonne) são alguns dos nomes do conselho editorial da revista.

Nesta edição os Direitos Humanos figuraram entre os assuntos mais frequentes nas publicações, “isto porque os Direitos Fundamentais são relevantes num Estado de Direito em que se exerce, legitimamente, Poder e a Jurisdição”, explica Pagliarini.

O editor chefe ainda destaca que a revista Ius Gentium está se organizando para ser cada vez mais um veículo de publicação para a comunidade acadêmica nacional e estrangeira, e por isso está aberta à recepção de artigos científicos de todos os que queiram publicar com aderência temática ao trinômio do Mestrado (Estado, Poder e a Jurisdição).

“O Pagliarini foi nomeado editor chefe no início deste ano e com base nesta, que é a primeira publicação sob o comando dele, fica claro que a revista em breve será referência na área pela qualidade e diversidade de artigos de autores que são referência nacional e internacional”, avalia Débora Veneral, diretora da Escola Superior de Gestão Pública, Política, Jurídica e de Segurança da UNINTER.

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *