Internacionalize-se, o Japão é logo ali


O Japão é conhecido por ter estudantes muito dedicados e um povo trabalhador. País com alto desenvolvimento tecnológico, a infraestrutura oferecida aos jovens é um ponto de destaque, o que anualmente atrai milhares de imigrantes para realizar intercâmbio no país.

A Uninter recebeu no dia 24 de abril a vice-consulesa do Japão, Akiko Kikuchi, e a assessora cultural do Consulado Geral do Japão em Curitiba, Akemi Ferreira, para apresentar o programa que o governo japonês, através do Ministério da Educação, Cultura, Esportes, Ciências e Tecnologia (MEXT), oferece para estudantes brasileiros não descendentes.

São bolsas de estudos completas para graduação, pós-graduação e pesquisa científica, curso técnico superior, cursos profissionalizantes, treinamentos para professores, e ainda cultura e língua japonesa, que contemplam passagem de ida e volta, além de bolsa mensal durante o período do curso. O período de inscrição varia conforme a área escolhida. O site do Consulado Japonês em Curitiba divulga as datas atualizadas.

Akemi conta que por mais distintas que sejam as culturas brasileira e japonesa, a maioria dos estudantes que retornam dão um feedback positivo sobre o período vivido no país asiático. Para uma vivência proveitosa, a dedicação dos alunos é fundamental. “Os japoneses admiram muito os bolsistas, porque para eles essas pessoas são representantes de cada nação”, conta a assessora, ressaltando que os intercambistas são bem recebidos no país.

O processo para aprovação tem etapas diversas, dependendo da área de escolha, e a obrigatoriedade da língua japonesa não é requisito para todos os cursos. Para conhecer mais sobre os processos de cada área, procure o setor de Internacionalização da Uninter.

No consulado do Japão em Curitiba todas as informações estão disponíveis, e inclusive o orientador do próprio consulado, professor José Otta, estará até o dia 14 de junho no período da tarde atendendo aos alunos que querem se inscrever no projeto. O consulado japonês em Curitiba atende moradores do Paraná e de Santa Catarina.

Edição: Mauri König / Revisão Textual: Jeferson Ferro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *