DIÁLOGOS

Avaré debate os desafios da educação inclusiva no Brasil

Autor: Diego Augusto - Estagiário de Jornalismo

Segundo pesquisa do Censo Escolar da Educação Básica 2017, divulgada pelo Ministério da Educação (MEC), o índice de inclusão de pessoas com deficiência em classes regulares passou de 85,5%, em 2013, para 90,9%, em 2017. Porém, apenas 40% destes alunos possuem acesso a atendimento educacional especializado nas escolas onde estão matriculados.

A educação inclusiva é uma proposta de ensino que integra os alunos com deficiência na sala de aulas regular. Essa modalidade de ensino, que combate a exclusão, vem conquistando cada vez mais espaço nas escolas e faculdades, porém coloca desafios aos profissionais da educação.

Dois importantes fatores para que essa proposta funcione são: a estrutura das instituições de ensino, que necessitam de um espaço físico adaptado para que a instituição possa receber esse aluno; e a qualificação dos profissionais e gestores da área educacional para atender esse público e garantir uma educação de qualidade e igualitária dentro das salas de aula.

Buscando promover a capacitação para o cenário da educação inclusiva, no dia 24 de maio, o polo de apoio presencial da Uninter em Avaré (SP) participou do 1º Fórum Regional de Educação Inclusiva, realizado pela Secretaria Municipal de Educação, no espaço Palazzo Garibaldi, em Avaré (SP).

Os colaboradores Juber Junior (mantenedor), Patrícia Gomes Franco (coordenadora do polo) Ingrid Samogin (orientadora educacional), Bianca Gomes (comercial) e Elisângela Bueno (comercial) foram responsáveis pela montagem de stands com peças de marketing e apresentação de informações sobre cursos de graduação e pós-graduação da instituição, de acordo com o tema do evento.

“O PAP Avaré tem participado assiduamente de eventos que promovam e difundam o conhecimento sobre a educação inclusiva e suas práticas a fim de que seus colaboradores e alunos possam ter contato com essa temática e desenvolvam seus saberes”, comenta Juber.

O evento contou com a participação de aproximadamente mil educadores, professores e gestores da rede municipal de 18 cidades do Brasil, e teve como tema central o “Ensino Superior e Educação Básica: um diálogo em construção”. Seu principal objetivo foi aprimorar a metodologia de ensino da educação básica e superior, unificando o aprendizado para todos os alunos.

As palestras foram conduzidas pela pedagoga Anna Augusta Sampaio de Oliveira (responsável pela criação e implantação do Referencial de Avaliação na Área da Deficiência Intelectual), a terapeuta ocupacional Andréa Rizzo Santos (referência no estudo do currículo funcional natural para crianças com autismo) e pelo psicólogo Sadao Omote (um dos principais nomes do Brasil na área da reflexão sobre educação especial, família e inclusão escolar), que encerrou o evento.

Os palestrantes abordaram a aproximação das pesquisas do ensino superior e da educação básica, na busca do desenvolvimento de alunos por meio da educação inclusiva. “É possível verificar que a escola é uma instituição que atende uma pluralidade de alunos de diversas realidades e necessidades, dessa forma, é primordial que a discussão sobre novos métodos seja uma prática recorrente, pois é a partir desse ponto que todos os que estão presentes no sistema de ensino conseguirão desenvolver os seus processos de ensino/aprendizagem”, esclarece Juber.

Ele ressaltou a participação do polo em um evento que tem um tema tão importante para a educação nos dias de hoje. “Nós do PAP Avaré estamos sempre envolvidos com simpósios, palestras e fóruns acerca do tema educação. Esse fórum em especial, tivemos um prazer enorme em participar, por se tratar de um tema bastante relevante. Nossa presença foi muito além da divulgação com o marketing gerado ou da fixação de nossa marca, fizemos questão de participar de um evento que tem como intuito incluir, acolher e ajudar ao próximo”, conclui o gestor.

 

Embed HTML not available.
Autor: Diego Augusto - Estagiário de Jornalismo
Edição: Mauri König
Revisão Textual: Jeferson Ferro
Créditos do Fotógrafo: Arquivo PAP Avaré


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *