ARTES VISUAIS

A criatividade de Wendel ganha destaque nas artes visuais em Campo Grande

Autor: Nivaldo Júnior - Estudante de Jornalismo

Os alunos da Uninter se mostram destaques não só dentro da instituição ou em provas avaliativas dos cursos. Através do que vivenciam durante a jornada acadêmica, muitos ganham evidência também fora das salas de aula.  Wendel Fontes dos Santos, aluno de Artes Visuais do polo de educação a distância de Campo Grande (MS), foi selecionado em edital para a temporada de exposições de 2020 do Museu de Arte de Contemporânea (MARCO) de Mato Grosso do Sul. O trabalho, intitulado (Sobre)Vivência Nômade, ficou entre os 14 escolhidos e estará disponível para visitação do público em novembro deste ano.

Para o evento, foram selecionadas produções com o objetivo de reconhecer os artistas visuais contemporâneos, incentivar a pesquisa e valorizar e promover a arte para torná-la acessível ao público. As obras apresentadas por Wendel mostram o trabalho de três malabaristas de diferentes nacionalidades (Brasil, Argentina e Chile), que passaram pela cidade de Campo Grande.

“Fiquei um ano pesquisando, produzindo. Eu consegui estudar o edital e produzir um trabalho que se relaciona com a capital. Tentei montar um roteiro dentro disso”, conta o aluno.

Na Uninter, Wendel encontrou a estrutura que precisava para buscar seus objetivos. “O curso contribuiu para essa conquista. Tive uma disciplina voltada para projetos em Artes Visuais e lá tinha um material específico falando sobre editais, produção, desenvolvimento de poética que pôde me direcionar bem para entender os circuitos de artes”, explica.

Izabela Cristina dos Santos Barbosa, tutora e gestora do polo de Campo Grande, ressalta a importância de incentivar os alunos a participarem de editais para mostrarem os trabalhos produzidos e unir a teoria com a prática. “O polo ficou muito feliz com a conquista. Ele é muito talentoso, quando ele falou que ia se inscrever, a gente ofereceu suporte e apoiou de imediato. Estamos orgulhosos demais”, ressaltou.

A população sul-mato-grossense pode ter ainda mais acesso à cultura e à arte contemporânea de novos artistas promissores e talentosos. Wendel já pensa em novos projetos e planeja inscrever pelo menos um novo trabalho por ano em diferentes editais.

Serviço

Temporada de Exposições do MARCO

Título: (Sobre)Vivência Nômade

Artista Visual: Wendel Fontes

Data: Novembro/2020

Local: Museu de Arte Contemporânea de MS

Rua Antônio Maria Coelho, 6000 – Parque das Nações Indígenas, Campo Grande-MS

Embed HTML not available.
Autor: Nivaldo Júnior - Estudante de Jornalismo
Edição: Mauri König
Revisão Textual: Jeferson Ferro
Créditos do Fotógrafo: Nivaldo Júnior


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *