Feira mostra novas tecnologias aplicadas na educação a distância


 

Camila Toledo – Estagiária de Jornalismo

Há algum tempo o processo de ensino-aprendizagem já não se restringe à sala de aula. A tecnologia trouxe novas possibilidades de estudos para alunos e professores por meio de vídeos e redes sociais. O Censo de 2015 da Associação Brasileira de Educação a Distância (ABED) contabilizou mais de 5 milhões de alunos nessa modalidade (leia aqui).

Em maio deste ano, o polo da Uninter em Formosa (GO) realizou a 4ª Feira Culturalque abordou como as novas tecnologias estão sendo aplicadas ao ensino em EAD. O evento foi elaborado pela coordenadora do polo, Eulãnia Nunes, e os professores Leonasser Lima, Zilda Martins e Thais Martins, além dos tutores dos cursos de Pedagogia, Matemática, Letras e História.

Segundo Thais, orientadora educacional do curso de Pedagogia, a feira teve como objetivo promover as novas práticas de ensino e aproximar os alunos de diferentes cursos, além de abrir a instituição à comunidade. Os participantes puderam levar seus parentes e amigos para conhecer a Uninter e participar das discussões sobre tecnologia.

Foram instaladas tendas para dividir cada assunto. Entre os temas tratados estavam “Exposição de aparelhos tecnológicos antigos”, “WhatsApp, um caminho sem volta”, “Facebook: lado positivo e negativo”, “Impacto das tecnologias nas famílias”, “Energia eólica” e “EAD: a tecnologia a favor da educação”. A escolha dos temas ficou por conta dos professores, mas o conteúdo apresentados foram produzidos pelos próprios alunos.

Thais é só elogios aos alunos pela organização e criatividade na preparação dos debates. A feira foi uma forma de avaliá-los. “Com o passar do tempo tudo tem ficado melhor e a cada evento surgem novos conhecimentos e motivações. Foi fantástico”, diz a orientadora.

Edição: Mauri König


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *