Alunos de Engenharia de Produção tinham um problema para resolver. E resolveram

Autor: Bárbara Possiede - Estagiária de Jornalismo

Fim de ano coincide com final de semestre, e com ele vem as provas, entregas de trabalhos e outras tarefas que marcam o encerramento de ciclos acadêmicos. Na Escola Politécnica da Uninter não é diferente. No dia 2.dez.2019 foi a vez das apresentações do “PBL – Transferência de calor”.

Esta sigla denomina o Problem Based Learning, uma metodologia de aprendizagem que consiste na elaboração de projetos para a resolução de problemas, fazendo com que os alunos desenvolvam habilidades práticas a partir dos conteúdos que estudaram ao longo de um ciclo letivo.

Os trabalhos apresentados no campus do Garcez, em Curitiba (PR), foram desenvolvidos pela turma de quinto período do curso de Engenharia de Produção, que cursaram a Unidade Temática de Aprendizagem Transformação de Energia.

Divididos em grupos de 3 integrantes, os alunos foram desafiados pelos professores a desenvolver um trocador de calor: um dispositivo termodinâmico que permite a troca de calor entre dois ou mais fluidos a temperaturas diferentes. Os trocadores de calor são amplamente usados em processos onde deseja-se aquecer ou resfriar um fluido, como o radiador de um carro, ou os aquecedores.

Neste PBL, o objetivo era desenvolver um trocador de calor simples, que não necessitasse da utilização de energia elétrica. Os estudantes foram orientados durante todo semestre para a elaboração de todo o projeto: pesquisas sobre a parte teórica, montagem de um protótipo, testes e cálculos.

Os grupos encontraram diversas saídas para o problema lançado, o que possibilitou apresentações de modelos de trocadores de calor bastante distintos, empregando lupas, serpentinas, placas e canos de pvc. A criatividade dos alunos foi grande e a variedade de produtos utilizados também.

Os resultados foram apresentados para uma banca avaliadora, composta pelos professores da Escola Politécnica, Marcelo Staff e Marcos Proença, com a mediação do professor Marcos Wurzer.

A realização de trabalhos práticos, com a elaboração de todo o projeto para o desenvolvimento de um modelo real, é de suma importância para a fixação dos conhecimentos teóricos por parte dos estudantes. Wurzer ressalta que as atividades de PBL permitem aos alunos aplicar diversos conceitos apresentados ao longo das outras disciplinas do curso.

Embed HTML not available.
Autor: Bárbara Possiede - Estagiária de Jornalismo
Edição: Mauri König
Revisão Textual: Jeferson Ferro
Créditos do Fotógrafo: Arquivo Escola Politécnica


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *