AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL

A nota da Uninter depende de todos nós

Manter um padrão de qualidade é uma tarefa complicada e exige muita dedicação, ainda mais em uma instituição do porte da Uninter. O trabalho para que os professores tenham boas condições para dar aulas, bom material e para que os alunos tenham bom conteúdo precisa da participação de todos, e a CPA tem um papel central nesse processo.

A CPA (Comissão Própria de Avaliação) é o setor responsável pelo controle de qualidade do ensino, da infraestrutura e dos serviços prestados pela instituição. É a Comissão que formula os questionários para os alunos ao final de todo período letivo, avaliando o corpo docente e o material de apoio, tanto para os cursos presenciais quanto para os EAD.

“Os comentários que os alunos fazem nas questões abertas são muito importantes, porque aí você tem uma avaliação qualitativa daquilo que nós estamos apresentando para os alunos se manifestarem, os quesitos que nós vamos avaliar”, afirma o professor Hélio Lechinewski, coordenador da CPA.

De acordo com Hélio, só para o ano de 2018 estão programadas 35 avaliações, além das que são formuladas fora do cronograma. A partir de cada avaliação é feito um relatório gerencial com analises, resultados comparativos, séries históricas e então é direcionado para os responsáveis para que seja criado um plano de ação dentro da lógica do 5W2H,que é um instrumento de controle de qualidade da área de administração.

Quem dá a palavra final em relação às notas do ensino e da universidade são o MEC e o INEP. Esses órgãos exigem que a instituição tenha um departamento para monitorar a qualidade dos serviços oferecidos, pois a avaliação é periódica de acordo com o tempo de integralização dos cursos, podendo variar de 2 a 5 anos.

Por exemplo, uma equipe do MEC/INEP esteve na Uninter para fazer a avaliação externa do curso de Filosofia EAD, entre os dias 2 e 3 de agosto. Membros da CPA fazem o acompanhamento oferecendo os dados levantados nos últimos anos, visto que os representantes do MEC têm somente a perspectiva atual do curso, e não da sua evolução. Durante a visita, os avaliadores conversaram com coordenadores, professores e alunos.

O coordenador da CPA ressalta que a qualidade da instituição depende de todos e que, conforme a Uninter é melhor avaliada, mais alunos terão interesse, sairão melhor colocados no mercado de trabalho e os empregadores verão nossos egressos com outros olhos.

“Sou ex-aluno da instituição, então para mim a Uninter é muito valiosa. Procuro cada vez mais estar incentivando a melhoria dentro dos cursos, porque eu sei que em última instância é o meu diploma que está sendo valorizado também”, completa.

Embed HTML not available.
Autor: Ariadne Helena Körber - Estagiária de Jornalismo
Edição: Mauri König
Créditos do Fotógrafo: Ariadne Helena Körber - Estagiária de Jornalismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *