Análise das causas e consequências da superlotação dos serviços de emergências hospitalares: uma revisão bibliográfica.

Carlos Alberto Silva Santos, Eniel Espírito Santo

Resumo


RESUMO

Esta pesquisa tem como objetivo analisar as causas e consequências da superlotação dos serviços de emergência hospitalar (SEH). Foi utilizada uma revisão bibliográfica de artigos publicados em revistas científicas, manuais do Ministério da Saúde (MS) e literaturas afins. Algumas possíveis soluções sugiram após a análise do presente estudo. Uma delas, seria a adaptação das SEH ao aumento da expectativa de vida da população, com introdução de novas tecnologias. Além disso, novas modalidades de atendimento, como por exemplo, a internação domiciliar, podem desafogar as urgências e emergências. A criação de novas unidades de pronto atendimento de saúde (UPAs) assim como a implementação do QualiSUS em todas as emergências também surgem como alternativas ao problema.

Palavras-chave: Superlotação. Emergência. Sistema de saúde.

ABSTRACT

This research aims to analyze the causes and consequences of the overcrowding in emergency hospital services (EHS). A bibliographic review based on articles published in scientific journals, in the manuals published by the Ministry of Health (MH) manuals and specific literature was used. Some possible solutions arose after the analysis of this study. One of them would be the adaptation of EHS to the increase of the population life expectancy with the introduction of new technologies. In addition, new forms of care such as home care can relieve urgencies and emergencies. The creation of new Emergency Care Units (EUCs) as well as the implementation of QualiSUS for all emergencies also appear as alternatives to the problem.

Key words: Overcrowding. Emergency. Health system.

RESUMEN

Esta investigación pretende analizar las causas y las consecuencias de la sobrepoblación de los Servicios de Urgencias Hospitalarios (SEH). Se utilizó una revisión de la literatura de los artículos publicados en revistas científicas, manuales del Ministerio de Salud (MS) y literatura. Después de revisar este estudio, se concluye que las soluciones propuestas son: adaptación de las SEH para aumentar la esperanza de vida de la población, con la introducción de las nuevas tecnologías y nuevas formas de atención, como por ejemplo, el cuidado del hogar, que por lo tanto, la internación domiciliar desahogaría las urgencias y emergencias; así como la creación de nuevas Unidades de Atención Médica de Emergencia y también la aplicación de QualiSUS para todos los casos de emergencia.

Palabras-clave: Superpoblación; Emergencia; Sistema de salud.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.