RESPONSABILIDADE AMBIENTAL DAS EMPRESAS

Marcio Di Lopes

Resumo


Partindo do entendimento de que a responsabilidade ambiental das empresas é de fundamental importância, pois tratar do meio ambiente é tratar da vida do e no planeta, este artigo adota como metodologia de pesquisa a revisão bibliográfica, focalizando os seguintes pontos: as empresas e o ambiente; tecnologia e meio ambiente; gestão ambiental e responsabilidade social nas organizações. Constata-se que a repercussão da questão ambiental dentro da organização e o crescimento de sua relevância ocorrem a partir do momento em que a empresa se conscientiza de que essa atividade, ao invés de ser uma área que só lhe dá despesas, pode se transformar em um excelente ambiente de oportunidades de redução dos custos, o que pode ser viabilizado, seja através do reaproveitamento e venda dos resíduos e aumento das possibilidades de reciclagem, seja por meio da descoberta de novos componentes e novas matérias-primas que resultem em produtos mais confiáveis e tecnologicamente mais limpos e dentro da legislação em vigor no país. Chega-se à conclusão de que um setor industrial que provoque a exaustão de seus recursos naturais em busca de conquista de riqueza de forma rápida estará causando sérios danos à sociedade e, se o recurso for fundamental e não reposto, provavelmente a pobreza se instalará em regiões antes prósperas.


Referências


ANDRADE, R. O. B.; TACHIZAWA, T.; CARVALHO, A. B. Gestão ambiental: enfoque estratégico aplicado ao desenvolvimento sustentável. São Paulo: Makron Books, 2000.

BATEMAN, T. S. Administração: novo cenário competitivo. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2009.

BRANCHIER, A. S.; TESOLIN, J. D. D. Direito e legislação aplicada. 3. ed. Curitiba: Ibpex, 2006.

CONAMA. Resolução 001/86. Disponível em . Acesso em 08 Mar. 2015.

CONAMA. Resolução 237/97. Disponível em

. Acesso em 08 Mar.

DONAIRE, D. Gestão ambiental na empresa. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

MARCONI, M. A.; LAKATOS, E. M. Técnicas de pesquisa. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

MAXIMIANO, A. C. A. Teoria geral da administração: da revolução urbana à revolução digital. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2009.

MORANDI, S.; GIL, I. C. Tecnologia e ambiente. 2. ed. São Paulo: Copidart, 2001.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .